TECNOLOGIAEM IMAGEM

Equipamentos de última geração em tecnologia de imagem

ATENDIMENTOMAIS HUMANIZADO

Uma equipe altamente preparada para lhe atender sempre melhor...

PRÉAGENDAMENTO

Pré agendamento para realizar seus exames, mais comodidade para você!

  • Atendimento mais Humanizado

    Equipe preparada para atender sempre melhor...

  • Pré Agendamento

    Pré agende seu exame mais uma comodidade para você!

  • Corpo Clínico

    Conheça nosso corpo de profissionais clínicos.

  • Qual a sua Dúvida

    Faça sua pergunta ou tire suas dúvidas.

Publicado em 06/12/201832
Qual é a relação entre a ansiedade e a insônia?

Apesar de serem dois problemas tratados por especialidades distintas, ansiedade e insônia podem estar diretamente relacionadas. Isso porque uma pode provocar o desenvolvimento da outra. Ou seja, um paciente com ansiedade pode acabar desenvolvendo dificuldade para dormir, e um paciente que sofre de insônia pode, por conta disso, passar a manifestar sinais de ansiedade.

“Os dois problemas podem sim andar juntos. A insônia pode ser um gatilho para a ansiedade em pessoas sensíveis ao transtorno. Da mesma forma, ansiedade é um dos principais fatores que levam à insônia”, afirma Shigueo Yonekura, neurologista e especialista em medicina do sono.

 

Tratamento multidisciplinar 

Tanto a insônia quanto a ansiedade são tratados com medicamentos específicos capazes de controlar os sintomas relativos a cada quadro. No caso em que ambos se manifestam ao mesmo tempo, é necessário que as duas especialidades (no geral, medicina do sono/neurologia e psiquiatria) sejam acionadas e trabalhem em conjunto.

Os médicos de diversas outras especialidades podem atuar no tratamento também, mas em caso específico, é preciso encaminhar para os especialistas principais. “O tratamento pode ser multidisciplinar, dependendo da causa, e pode envolver psiquiatra, psicólogo, ginecologista, cardiologista ou qualquer especialidade. A severidade da insônia pode influenciar a escolha ideal do tratamento, mas a melhora de hábitos cotidianos pode influenciar a qualidade do sono”.

 

Hábitos saudáveis de vida ajudam tratamento de ansiedade e insônia

Além dos tratamentos com remédios, é importante adotar hábitos de vida saudáveis que ajudem a controlar e amenizar tanto os sintomas da ansiedade quanto da insônia. Prática regular de exercícios físicos em horários apropriados (nunca antes de dormir, para não prejudicar o sono) e estabelecer horários regulares para alimentação e descanso são exemplos importantes.

 

Dr. Shigueo Yonekura é especialista em Medicina do Sono pelo Hospital das Clínicas da USP e é neurologista do Instituto de Medicina do Sono de Campinas e Piracicaba. CRM-SP: 44519

 

Fonte: https://cuidadospelavida.com.br


Compartilhe

Facebook

Twitter

Google+

©2015 Diagnose - Clínica da Imagem                  Desenvolvido por VBeal WebSolutions